Lindsay Lohan abandona participação em filme sobre psicopata Charles Manson

A atriz americana Lindsay Lohan não irá mais participar de um filme sobre o psicopata Charles Manson, alegando problemas de agenda, enquanto um site especializado afirma que o comportamento da atriz tenha sido o responsável pela sua saída.

AFP |

Segundo o deadlinehollywooddaily.com, um respeitado site da indústria do espetáculo americano, Lohan foi retirada do elenco por problemas ocasionados pela notícia da sua contratação, que teria feito com que atores de renome não aceitassem participar.

"Ela não está disponível para fazer o filme porque assinou contrato para o filme 'Labor pains' e para a série de televisão 'Ugly Betty', e isso representa um conflito nas datas", disse à AFP sua representante artística, Leslie Sloane.

Lohan, de 21 anos, estava incluída no elenco do filme sobre o serial killer que em 1969 matou a atriz Sharon Tate, casada então com Roman Polanski e grávida de oito meses.

Contudo, segundo a versão do blog especializado, "pessoas relacionadas com a produção disseram que Lohan se tornou um problema já que não se conseguia convencer nenhuma atriz de renome" para outro papel.

Atores renomados como Jane Fonda e William H. Macy afirmaram que a atriz é "irresponsável", "mal educada", além de uma "menina caprichosa".

    Leia tudo sobre: atriz

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG