Líder do PR na Câmara é acusado de pedofilia

A 2ª Vara Criminal de Roraima irá encaminhar, nesta segunda-feira, ao Supremo Tribunal Federal (STF), cópias do processo que investiga o envolvimento do líder do PR na Câmara, deputado Luciano Castro (RR), com suposta rede de pedofilia no Estado. Por ter foro privilegiado, a análise do caso será feita pelo Supremo.

Congresso em Foco |

Na última sexta-feira, os promotores de Justiça José Rocha Neto e Luiz Antônio Araújo de Souza, do Ministério Público de Roraima, divulgaram o possível envolvimento do líder em casos de pedofilia no Estado. O nome do parlamentar foi citado por uma testemunha-chave durante depoimento à Polícia Federal. Uma menina de 13 anos afirmou que o deputado era um de seus clientes.

Leia reportagem completa no Congresso em Foco

    Leia tudo sobre: pedofilia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG