Líder do governo diz que está na hora de acabar com recreio no Senado

BRASÍLIA - O líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), afirmou nesta quarta-feira que está na hora de os senadores acabarem ¿com o recreio¿ e voltarem a trabalhar. Jucá referia-se às disputas estabelecidas entre os parlamentares que pedem o afastamento de José Sarney (PMDB-AP) da presidência do Senado e os que defendem sua permanência no cargo.

Agência Brasil |


Nesta terça-feira (25/08), o senador Eduardo Suplicy (PT-SP) subiu à tribuna do plenário para, mais uma vez, pedir o afastamento de Sarney. Durante o discurso, Suplicy sacou do bolso um cartão vermelho para o presidente do Senado, repetindo o gesto de juízes que expulsam um jogador de futebol durante a partida.

Nós temos que nos concentrar no trabalho. O espetáculo deve cessar. Já tivemos manifestações heterodoxas de muitos lados. Chegou a hora de parar o recreio e começar o trabalho sério, disse o líder. 

Leia também:

Leia mais sobre: Senado

    Leia tudo sobre: pmdbptromero jucasenadosuplicy

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG