Pnad mostra pela primeira vez se empreendimentos em que as pessoas trabalham têm registro no CNPJ

Pela primeira vez, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) investigou a situação jurídica dos empreendimentos em que as pessoas trabalham por conta própria ou são empregadores. A Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) informa que em 2009 um grupo de quase 5,4 milhões de pessoas, ou 23,5% das pessoas ocupadas, estavam em um em empreendimento com registro no Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ), da Receita Federal, ou seja, uma empresa legalizada.

Distribuição dos empregadores

Pessoas com dez anos ou mais que trabalhavam em empreendimentos com CNPJ, por posição na ocupação, em 2009, em %

Gerando gráfico...
Fonte: IBGE/Pnad

Segundo a pesquisa, 14% das pessoas entrevistadas que trabalhavam por conta própria estavam nessas empresas. Entre os empregadores, a proporção dos que estavam em uma empresa com registro no CNPJ foi de 68,4%. Estes, representavam 2,7 milhões de pessoas em todo o País, enquanto os trabalhadores por conta própria somavam 2,6 milhões.

As regiões Sul e Sudeste foram as que apresentaram as maiores proporções de trabalhadores em empreendimento com registro no CNPJ. Em números absolutos, somavam 1,38 milhão e 2,58 milhões de pessoas, respectivamente. Proporcionalmente, as duas regiões também se destacaram, com 37,6% e 29,5%, seguidas pelo Centro-Oeste, com 26,6%, as três acima da média nacional, de 23,5%.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.