Levantamento do Ministério vai identificar áreas de risco da dengue

Dos 169 municípios brasileiros escolhidos como prioritários para o controle da dengue, 30% coletaram dados para o Levantamento Rápido de Índice de Infestação por Aedes aegypti (LIRAa), segundo informações do Ministério da Saúde. Do total, em 101 cidades os agentes de vigilância visitam as áreas particulares e públicas para coletar amostras.

Agência Estado |

O objetivo é identificar com antecedência as áreas de maior risco de formação de criadouros do mosquito transmissor nos municípios.

Outros 19 (11%) farão o estudo na primeira semana de novembro. O resultado do levantamento será divulgado no dia 19 de novembro, em Brasília. A próxima etapa para os 49 municípios que já coletaram dados será a analise laboratorial do material e elaboração de relatório. O LIRAa é realizado anualmente pelas prefeituras, de acordo com cronograma local, no período de outubro a novembro.

Entre as cidades que participam do levantamento estão as capitais e municípios prioritários para o controle da dengue, como os de regiões metropolitanas e áreas turísticas. A maioria deles tem mais de 100 mil habitantes. Todas as prefeituras que integram o LIRAa fazem parte de uma lista de 633 municípios considerados prioritários pelo Ministério da Saúde para o controle da dengue.

AE

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG