Lei Seca já resultou em mais de 1.600 prisões no RS

RIO GRANDE DO SUL - Cerca de 1.600 motoristas foram presos durante os cinco meses da Lei Seca, iniciada em 20 de junho deste ano, no Rio Grande do Sul, segundo boletim da Brigada Militar divulgado nesta segunda-feira.

Agência Estado |

De acordo com o Comando Geral da corporação, nesses cinco meses foram constatados 1.909 casos de embriaguez, resultando em 1.608 pessoas presas. Desse total, 1.876 são condutores do sexo masculino e 33 do sexo feminino.

Ao todo, foram 1.092 constatações de embriaguez em abordagens, 817 em acidentes de trânsito, 1.411 em vias urbanas e 498 em rodovias estaduais. A faixa etária que mais teve constatações de embriaguez foi a dos 35 aos 45 anos, com 410 casos ocorrendo no horário das 0h às 3h.

Nesse final de semana, a Brigada Militar constatou 42 condutores embriagados. Destes, 33 foram presos e nove autuados no Artigo 165 do Código de Trânsito Brasileiro. Dos condutores embriagados, 41 foram homens e apenas um do sexo feminino. Doze estão na faixa etária entre os 35 e 45 anos.

Leia mais sobre: Lei Seca

    Leia tudo sobre: lei seca

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG