inconsistências , diz IPT - Brasil - iG" /

Laudo de consórcio sobre Metrô tem inconsistências , diz IPT

SÃO PAULO - O relatório apresentado pelo Consórcio Via Amarela sobre as causas do acidente no canteiro de obras da futura Estação Pinheiros do Metrô, na Linha 4 - Amarela, contém inconsistências técnicas e apresenta uma visão incorreta das causas do acidente. A conclusão é do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT), que analisou o documento divulgado no último dia 18.

Agência Estado |

AE

Acidente deixou sete mortos em janeiro de 2007
Em nota emitida nesta quinta-feira, o órgão reafirmou as conclusões e o conteúdo de seu laudo acerca do desmoronamento, na zona oeste de São Paulo.

O relatório do consórcio responsável pelas obras da Linha 4 - Amarela sustentava que as causas do acidente eram imprevisíveis, além de contestar onze afirmações feitas pelo IPT em seu laudo, emitido no mês passado.

Para o IPT, o seu relatório, "com total isenção, procurou as reais causas da ocorrência e preocupou-se em orientar para que tragédias como a de 12 de janeiro de 2007 sejam evitadas no futuro, sem qualquer juízo sobre as responsabilidades". O acidente deixou sete mortos.

Leia mais sobre: acidente do metrô

    Leia tudo sobre: acidente do metrômetrô

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG