A Polícia Civil do Rio de Janeiro prendeu nesta sexta-feira, 22, um dos ladrões que participaram de roubo a uma joalheria e que deixou menina tetraplégica há 11 anos. Anderson de Oliveira Magalhães, conhecido como Bola, de 35 anos, foi detido por policiais da 25ª DP (Engenho Novo), nesta sexta-feira, no Jacaré, zona norte da cidade.

Ele confessou ter participado do roubo a uma joalheria na Tijuca, em 1998, que resultou em um tiroteio que atingiu Camila Magalhães Lima Mutzenbecher, que na época tinha 12 anos, e ficou tetraplégica.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.