BRASÍLIA - Todos os laboratórios já credenciados a produzir vacina contra gripe, devem ser, automaticamente, autorizados a produzir vacina contra o vírus Influenza A (H1N1), antes conhecida como gripe suína. A informação foi dada há pouco pelo presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Dirceu Raposo.

A medida será tomada em reunião, hoje à tarde, pela diretoria colegiada da Anvisa. Segundo Raposo, os laboratórios serão dispensados de pedir autorização da agência reguladora para tentar desenvolver novos produtos contra esse tipo de vírus.

Como ainda não existe vacina contra o A (H1N1) no mundo todo, os laboratórios brasileiros ainda vão necessitar analisar essa cepa (tipo de vírus) para tentar desenvolver a vacina.

A Anvisa quer encurtar o caminho e acelerar as pesquisas nesse sentido, dispensando os laboratórios de percorrerem um extenso caminho burocrático, explicou Raposo, durante audiência pública conjunta de três comissões (Saúde, Seguridade Social e Agricultura) da Câmara dos Deputados.

(Mauro Zanatta | Valor Econômico para o Valor Online)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.