Laboratório cobrirá gastos iniciais de babá que deu à luz

O advogado Enéas de Oliveira Matos, que defende a babá Isabel de Lima Rodrigues, de 19 anos, de Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, disse na noite de hoje que o laboratório EMS Sigma Pharma, de Hortolândia (SP), deverá arcar com as primeiras despesas médicas e o enxoval do filho dela, que nasceu no sábado. O anúncio foi feito após Matos ter ameaçado hoje entrar na Justiça contra a EMS Sigma, caso o laboratório não aceitasse um acordo com Isabela.

Agência Estado |

Ela acusa o EMS de ter engravidado em meados de 2007, após tomar o anticoncepcional Contracep de um dos três lotes que teve a interdição cautelar determinada pelo governo de São Paulo e pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Ele negocia ainda uma indenização e planos de saúde para ela e o filho Felipe.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG