Kroll nega envolvimento com atividade de espionagem

BRASÍLIA - A empresa Kroll negou nesta terça-feira, por meido de nota, as acusações de que teria espionado a Brasil Telecom e a Telecom Itália.

Agência Brasil |

O delegado da Polícia Federal, responsável pela Operação Santa Teresa, Élzio Vicente da Silva, afirmou ¿ na última quinta-feira, durante depoimento na CPI das Escutas Telefônicas Clandestinas ¿ que a Kroll teria sido contratada pelo banqueiro Daniel Dantas para investigar as operadoras.

De acordo com o comunicado enviado à Agência Brasil, a Kroll afirma que nunca participou de atividades de espionagem, incluindo escutas telefônicas e invasão de e-mails.

Além disso, conforme a nota, A Kroll refuta veementemente as declarações prestadas a respeito de tais informações [prestadas pelo delegado da PF].

Leia mais sobre: Operação Satiagraha

    Leia tudo sobre: operação satiagraha

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG