NOVA YORK (Reuters Life!) - O astro de tevê Kiefer Sutherland planeja entregar-se à polícia de Nova York nesta quinta-feira, disse um porta-voz da polícia, depois de relatos na mídia de que o ator teria agredido um homem. O porta-voz, que falou sob a condição de permanecer anônimo, disse que o astro do seriado 24 Horas pretendia entregar-se numa delegacia de polícia no Soho, um bairro de Manhattan.

A polícia disse na quarta-feira que Sutherland provavelmente será acusado de agressão, uma infração leve.

Vários órgãos de mídia noticiaram que Sutherland foi acusado de dar uma cabeçada no estilista Jack McCollough numa festa na noite de segunda-feira, após um evento de gala anual promovido pelo Metropolitan Museum of Art.

Não foi possível obter declarações da promotoria pública de Manhattan.

Um representante de Sutherland, que se encontra em liberdade condicional de cinco anos em função de uma acusação de dirigir embriagado em Los Angeles, não pôde ser encontrado de imediato para comentar o assunto.

Uma acusação criminal, mesmo que seja leve, pode ter consequências duras para o ator de 42 anos, que em "24 Horas" representa o agente especial durão Jack Bauer.

Kiefer Sutherland foi preso em 2007 por dirigir embriagado em Los Angeles e cumpriu 28 dias de prisão numa cadeia no sul da Califórnia. Quando foi preso, ele já estava em liberdade condicional por uma condenação anterior por dirigir sob o efeito de álcool.

Frank Mateljan, porta-voz da promotoria pública de Los Angeles, disse que as autoridades de Los Angeles vão entrar em contato com investigadores de Nova York para descobrir detalhes sobre a investigação policial na cidade.

"Se pudermos determinar que ocorreu violação da condicional, caberá a um juiz ditar as penalidades apropriadas", disse Mateljan na quarta-feira.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.