O prefeito Gilberto Kassab (DEM) determinou que todos os 18 piscinões abertos da cidade de São Paulo devem ser limpos até a sexta-feira. Ele afirmou que, se os serviços não forem executados, os contratos com as empresas responsáveis pela limpeza poderão ser rompidos.

Nesse caso, outras seriam contratadas em caráter de emergência. As declarações foram dadas durante uma vistoria aos piscinões Inhumas e Aricanduva III, feitas na manhã de hoje.

"Não admito que uma empresa que tem essa responsabilidade não consiga, com dois dias de sol, limpar os piscinões, sabendo que este é um dos grandes problemas da cidade. Se até terça-feira todos os piscinões não estiverem limpos, os contratos estão encerrados", disse.

"Não encontrei problemas nesses piscinões, mas fiquei preocupado quando fui informado pelo representante de que a empresa não tem condições de limpar todos os piscinões até terça-feira. Se não cumprirem, será rompido o contrato com a empresa e fica autorizada a contratação emergencial de outra", completou o prefeito.

Kassab disse ainda que sobrevoará os piscinões na terça-feira para verificar a situação. Ainda hoje, haverá uma reunião entre o secretário Municipal de Coordenação das Subprefeituras, Ronaldo Camargo, e os subprefeitos que possuem piscinões em suas jurisdições, com o objetivo de avaliar a execução dos serviços.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.