Kassab busca PR para engrossar aliança

O prefeito Gilberto Kassab (DEM) reúne-se hoje à tarde com lideranças do PR em São Paulo para tentar fechar uma nova aliança para a sua candidatura à reeleição. Depois da oficialização do apoio do PMDB na semana passada, o PR é a principal aposta de Kassab para reforçar seu time.

Agência Estado |

O PV também é sondado para a coligação.

Com o interesse dos articuladores da candidatura da ministra do Turismo, Marta Suplicy (PT), o PR poderá se reunir mais uma vez com petistas ainda neste fim de semana ou na segunda-feira. O que está em jogo é o posto de candidato a vice na chapa de Marta à Prefeitura de São Paulo. O PR, que participa da base de sustentação do governo Kassab no Legislativo municipal, não abre mão da vaga para apoiar a ministra. A exigência não é feita a Kassab.

O PT, até agora, não cedeu à reivindicação, porque tem no posto de vice a única arma para tentar uma aliança com o bloco de esquerda formado pelo PDT, PSB, PC do B e PRB - que juntos somam cerca de 4 minutos diários de propaganda em rádio e TV durante a campanha, contra 1 minuto e meio do PR. A idéia dos petistas, por enquanto, é manter o discurso de que o PR será considerado para a vice, caso os partidos do bloquinho recusem um acordo.

O PR, que conversou com petistas na última quarta-feira, já colocou os nomes para a vice: o então secretário de Planejamento da gestão Paulo Maluf, Marcos Cintra, ou o ex-judoca e vereador Aurélio Miguel. Mas, na avaliação dos aliados de Marta, as apostas continuam centradas no nome da deputada e ex-prefeita de São Paulo, Luiza Erundina (PSB-SP), a quem o posto de vice na chapa petista já foi oferecido. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG