Justiça vai enviar questionário a pilotos do Legacy

A Justiça brasileira concluiu ontem a elaboração de 106 perguntas para serem enviadas aos Estados Unidos, onde moram e serão ouvidos os pilotos Joseph Lepore e Jan Paul Paladino - são 53 indagações para cada um. Eles estavam no comando do jato Legacy que, por estar fora do plano de vôo e com o transponder (aparelho de segurança que identifica o avião no radar e integra o sistema de alerta anticolisão) inoperante bateu no Boeing 737-800 da Gol, em 29 de setembro de 2006, causando a queda do avião e a morte de 154 pessoas.

Agência Estado |

As perguntas, formuladas pelo juiz federal Murilo Mendes, de Sinop (MT), serão traduzidas para o inglês e enviadas para o Judiciário americano, que interrogará os pilotos. Mendes queria falar com Lepore e Paladino no Brasil, mas a defesa dos americanos conseguiu que eles fossem ouvidos por carta rogatória. A resposta dos pilotos será anexada ao processo em que são acusados de “atentado contra a segurança de transporte aéreo”, com agravante pelas 154 mortes, conforme denúncia do Ministério Público Federal (MPF). As informações são do jornal O Estado de S. Paulo

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG