Justiça nega pedido de habeas-corpus a humorista Zina

O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) negou hoje o pedido de habeas-corpus para o humorista Marcos da Silva Herédia, o Zina do Pânico na TV, da Rede TV!. O pedido foi feito pelos advogados de Zina baseado nas circunstâncias de constrangimento ilegal, uma vez que ele é primário, com bons antecedentes, tem residência certa e ocupação lícita.

Agência Estado |

O comediante foi preso no dia 16 deste mês por porte ilegal de arma após policiais encontrarem em sua casa, no Jardim Panamericano, bairro da zona norte de São Paulo, um revólver calibre 38 com numeração raspada.

    Leia tudo sobre: zina

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG