Justiça nega novo pedido de liberdade ao casal Nardoni

O juiz do 2º Tribunal do Júri da capital paulista, Maurício Fossen, negou um novo pedido de liberdade provisória feito em favor de Alexandre Alves Nardoni e Anna Carolina Jatobá, pai e madrasta de Isabella Nardoni, morta em 29 de março deste ano, no Edifício London, na zona norte de São Paulo. A decisão foi divulgada hoje.

Agência Estado |

Como havia relatado na decisão que decretou a prisão preventiva do casal, o juiz afirmou que o fato de eles não reunirem outros antecedentes criminais, apresentarem-se espontaneamente à polícia, terem endereço e emprego fixos e profissão definida não basta para que fiquem soltos durante o transcorrer da ação.

Para Fossen, continuam presentes os requisitos legais que levaram o casal à prisão, medida necessária para a garantia da ordem pública e para assegurar a conveniência da instrução criminal. O juiz alegou que os indícios da prova pericial de que o local do crime foi "sensivelmente" alterado sugerem a predisposição do casal em "prejudicar a lisura e o bom resultado da instrução penal em juízo, com o objetivo de tentar obter sua impunidade".

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG