Veja reportagem em vídeo sobre o caso" / Veja reportagem em vídeo sobre o caso" /

Justiça decreta a prisão de acusado de jogar ex-mulher pela janela do apartamento

SÃO PAULO ¿ A Justiça decretou a prisão preventiva de Evandro Gomes Correia, 35 anos, acusado pela polícia de jogar a ex-mulher, Andréia Cristina Bezerra Nóbrega, de 31 anos, e o filho do casal, Lucas Macedo Nóbrega Correia, de 6 anos, pela janela do apartamento de Andréia, em Guarulhos, na Grande São Paulo. Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP) o acusado encontra-se foragido. http://tvig.ig.com.br/Templates/Player.aspx?id=52271&video=queda-de-sacada-de-predio target=_topVeja reportagem em vídeo sobre o caso

Redação |

Acordo Ortográfico

Segundo a versão da polícia, mãe e filho foram jogados do terceiro andar do prédio onde moravam, no bairro Jardim Santa Mena, pelo músico Evandro Gomes Correia, na tarde desta última terça-feira (18).  Andréia foi encaminhada para o pronto-socorro do Hospital Padre Bento, mas não resistiu aos ferimentos. Já a criança segue internada, porém fora de perigo, no Hospital Geral de Guarulhos.

Andréia já havia registrado dois boletins de ocorrência contra o ex-marido; um na Delegacia da Mulher, por agressão e injúria, e outro, no 2º Distrito Policial de Guarulhos, por ameaça. Segundo o boletim de ocorrência, Lucas teria dito, quanto estava a caminho do hospital, que o pai tinha a intenção de matar sua mãe.

AE
Família queda prédio
Foto de arquivo pessoal de Andréia com o filho Lucas 

Segundo reportagem da Bandnews , o filho do casal contou que os pais tiveram uma discussão e que Evandro ameaçou matar mãe e filho com uma faca de cozinha. Para evitar o crime, a mulher jogou a criança pela janela do apartamento e depois pulou. O menino caiu e ficou sobre a marquise do prédio, já a mãe, bateu na marquise antes de cair na calçada.

A polícia lacrou o apartamento e solicitou perícia. Evandro está sendo procurado como suspeito de homicídio qualificado por ter supostamente jogado sua mulher e seu filho da janela do apartamento. De acordo com Arlindo Nóbrega, irmão de Andréia, o casal estava separado há três anos e Evandro, que já teria espancado a ex-mulher em outras ocasiões, costumava ir ao apartamento visitar o filho.

Leia mais sobre: crime

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG