A Justiça do Rio condenou os cinco réus acusados de roubar e matar o ex-deputado e secretário de Planejamento de Guapimirim, na Baixada Fluminense, Renato Costa de Mello, em março deste ano. A juíza Myriam Therezinha Simen Rangel Cury, da Vara Única de Guapimirim, determinou a pena de 23 anos e 4 meses de reclusão pelo crime de latrocínio para Roberto Silva Teixeira, Raimundo Alves dos Santos Junior, Nelmo José dos Santos, Izael Antonio de Oliveira e Rafael Alves dos Santos.

O policial militar Rafael também perdeu o cargo público.

Segundo denúncia do Ministério Público, no dia 12 de março de 2009, os réus Raimundo e Nelmo invadiram a casa de Renato, em Guapimirim, com a intenção de roubar dinheiro e outros bens. A vítima ficou amarrada em uma cadeira e morreu após ser atingido com três tiros.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.