Júri popular e crítica premiam ¿A Festa da Menina Morta¿ no 36º Festival de Cinema de Gramado

GRAMADO ¿ Foram anunciados, nesta tarde, os premiados pelo júri popular, pelo júri da crítica e pelo júri dos estudantes no 36º Festival de Cinema de Gramado. Os escolhidos recebem o troféu Cidade de Gramado, uma deferência paralela ao veredito do júri oficial, que concede os tradicionais kikitos e que será revelado apenas à noite, em cerimônia no Palácio dos Festivais.

Fabio Prikladnicki |

A Festa da Menina Morta, de Matheus Nachtergaele, foi escolhido o melhor longa-metragem brasileiro pelo júri popular e pela crítica. Composto por 11 interessados em cinema, o júri popular escolheu o argentino Por Sus Propios Ojos, de Liliana Paolinelli, como o melhor longa estrangeiro, enquanto o júri da crítica, composto por 16 especialistas, ficou com o colombiano Perro Come Perro, de Carlos Moreno. Booker Pittman, de Rodrigo Grota, foi o melhor curta-metragem na opinião da crítica.

Um terceiro júri, composto por estudantes de cinema, premiou categorias técnicas, como direção de arte, música e montagem. Confira a lista completa dos vencedores do troféu Cidade de Gramado:

JÚRI POPULAR

Melhor longa-metragem brasileiro: A Festa da Menina Morta, de Matheus Nachtergaele

Melhor longa-metragem estrangeiro: Por sus Propios Ojos, de Liliana Paolinelli

JÚRI DA CRITICA

Melhor longa-metragem brasileiro: A Festa da Menina Morta, de Matheus Nachtergaele

Melhor longa-metragem estrangeiro: Perro Come Perro, de Carlos Moreno

Melhor curta-metragem brasileiro: Booker Pittman, de Rodrigo Grota

JÚRI DE ESTUDANTES DE CINEMA

Melhor direção de arte em curta-metragem: José de Aguiar, por Booker Pittman

Melhor música em curta-metragem: Booker Pittman, por Booker Pittman

Melhor montagem em curta-metragem: César Cabral e Leandro Maciel, por Dossiê Rê Bordosa

Melhor direção de arte em longa-metragem brasileiro: Pedro Paulo de Souza, por Nome Próprio

Melhor música em longa-metragem brasileiro: Matheus Nachtergaele, por A Festa da Menina Morta

Melhor montagem em longa-metragem brasileiro: Natara Ney, por Juventude

Excelência de linguagem técnica em longa-metragem estrangeiro: Cochochi, de Israel Cardenas e Laura Guzman

Leia mais sobre o Festival de Cinema de Gramado .

    Leia tudo sobre: festival de gramado

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG