Jungmann anuncia que vai revelar seus gastos amanhã

O deputado Raul Jungmann (PPS-PE), ministro da Reforma Agrária no governo Fernando Henrique Cardoso, anunciou hoje, em nota encaminhada à imprensa, que tornará públicos amanhã todos os dados das contas tipo B que manteve durante o tempo em que ocupou o cargo. Segundo a assessoria de imprensa de Jungmann, ele dará entrevista coletiva na Liderança do PPS, na Câmara, quando entregará os documentos.

Agência Estado |

Quando surgiram notícias de que no Palácio do Planalto havia sido elaborado um dossiê sobre gastos do governo Fernando Henrique Cardoso e que os dados seriam usados pelo governo para chantagear a oposição e esvaziar a Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) dos Cartões Corporativos, Jungmann foi mencionado como um dos ex-ministros que teriam feito gastos irregulares por meio de contas tipo B. Jungmann afirma que não houve irregularidades nesses gastos.

Segundo a assessoria, Jungmann decidiu tornar públicos seus gastos por defender o ponto de vista de que todas as autoridades, incluindo o ex-presidente Fernando Henrique e o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, deveriam fazer o mesmo, por se tratar de dinheiro público. O ex-ministro esteve recentemente na Casa Civil, onde requereu cópias dos documentos sobre seus gastos.

A Casa Civil encaminhou os documentos ao Ministério do Desenvolvimento Agrário (nome atual do antigo Ministério da Reforma Agrária), que os encaminhou a Jungmann. "São caixas de documentos", disse um funcionário do gabinete do deputado, mas não soube especificar quantas caixas.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG