Juiz decreta prisão de pai e madrasta de Isabella

O juiz Mauricio Fossen, do 2º Tribunal do Júri do Tribunal de Justiça de São Paulo, decretou o pedido de prisão preventiva do consultor jurídico Alexandre Alves Nardoni, de 29 anos, e de sua esposa, a estudante Anna Carolina Trotta Peixoto Jatobá, pai e madrasta da menina Isabella Bardoni, de 5 anos, que despencou do sexto andar de um prédio na zona norte da capital paulista. O pedido foi feito hoje pelo delegado do 9º Distrito Policial da cidade, Calixto Calil Filho, após o depoimento da mãe de Isabella, Ana Carolina Cunha de Oliveira, e dos avós maternos.

Agência Estado |

O juiz decretou também sigilo absoluto do caso a partir de agora.

Isabella foi encontrada morta pelo pai no sábado à noite, no jardim do prédio onde ele mora com a mulher, Anna Carolina, de 24 anos, e os dois filhos do casal. O delegado do 9º DP afirmou, um dia após a morte da menina, que trabalhava com a hipótese de homicídio, apontando que há fortes indícios de que a criança tenha sido arremessada por alguém. Havia vestígios de sangue no apartamento do casal e a tela de proteção da janela do quarto onde estava Isabella foi cortada.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG