Jude Law desmente agressão a fotógrafa

LONDRES ¿ O ator britânico Jude Law negou hoje que, na noite de quarta-feira, tenha agredido uma fotógrafa em frente a um restaurante de Londres.

EFE |

Reprodução
Jude Law e a fotógrafa nas polêmicas imagens
O desmentido foi feito após a publicação de fotos nas quais o artista aparentemente dá um tapa numa repórter fotágráfica.

Uma sequência de três registros mostra Law de costas e a fotógrafa tentando clicá-lo, o ator com a mão esquerda levantada e bem próxima à parte posterior da cabeça da paparazza e a repórter fotográfica levando a mão esquerda à testa enquanto Law a olha com a cabeça virada.

O advogado do ator, Graham Shear, disse que as informações de que Law agrediu intencionalmente a fotógrafa "são tolices". "O incidente de ontem à noite foi um acidente", declarou Shear.

"Jude ficou cego pelos flashes das câmeras quando saiu do restaurante, levantou a mão para se proteger e, inadvertidamente, se chocou com alguém que estava muito perto. Pediu desculpas e foi embora".

O advogado de Law afirmou ainda que "fotos deste tipo com frequência podem enganar".

A versão de Harsha Gopal, a fotógrafa supostamente agredida, é totalmente diferente. "Fui a primeira tirar uma foto quando ele apareceu. Após ter tirado várias, comecei a me afastar. Nesse momento, senti a mão dele na minha cara. Depois, houve um empurrão", contou Gopal ao jornal "The London Paper".

"Foi (um tapa) realmente forte. Fez um barulho ensurdecedor. Hoje ainda sinto um incômodo no rosto", afirmou.

A fotógrafa também garante que "a agressão foi deliberada". "Era algo que você podia ver na cara dele", acrescentou. "Talvez não tenha se dado conta de que estava agredindo uma mulher, mas pelo menos poderia ter se desculpado", disse.

Law, que tem quatro filhos e sempre é perseguido pelos paparazzi, já se envolveu em várias confusões com fotógrafos nos últimos anos. Em outubro de 2007, ele chegou a ser absolvido da acusação de agressão a um fotógrafo que o esperava em frente de casa.

    Leia tudo sobre: jude law

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG