ficha suja - Brasil - iG" /

Jucá barra projeto de candidatos com ficha suja

Única iniciativa adotada neste ano pelo Congresso para barrar os candidatos com ficha suja, o substitutivo aprovado na Comissão de Constituição e Justiça do Senado (CCJ) não sairá do papel. O líder do governo, senador Romero Jucá (PMDB-RR), brecou o texto, alegando que os termos da proposta equiparam-se a um linchamento individual, ao tornar inelegível os candidatos condenados em primeira ou única instância.

Agência Estado |

"Aí é a inquisição. Aliás, é mais do que inquisição, porque a inquisição era uma decisão do tribunal." Para o senador Demóstenes Torres (DEM-GO), o líder age de má-fé ao ignorar a intenção do Legislativo de regulamentar a Lei de Inelegibilidade. "É mal-intencionado." As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG