SÃO PAULO - O jovem carioca de 21 anos que chegou de Cancún, no México, com gripe suína (http://ultimosegundo.ig.com.br/mundo/2009/04/30/oms+decide+mudar+nome+da+gripe+suina+5867916.html target=_toprebatizada de gripe A H1N1), recebeu alta na manhã desta quarta-feira do Hospital Universitário Clementino Fraga Filho, na zona norte do Rio.

Em entrevista à "TV Globo" na terça-feira, o jovem de 21 anos contou ter ficado um pouco assustado ao receber a notícia de que estava com a doença, mas que foi uma gripe "relativamente fraca", em comparação com outras que ele já teve.

Um amigo dele e a mãe desse amigo, também confirmados como portadores do vírus da "gripe suína", continuam em tratamento, apesar de estarem sem febre e em bom estado de saúde.

Um outro paciente, de 27 anos, que chegou dos Estados Unidos no dia 3, foi internado na tarde de terça-feira com suspeita de estar com a gripe.

Casos

De acordo com o último balanço do Ministério da Saúde, até o momento, há 29 casos em monitoramento, em 10 Estados. 168 casos já foram descartados.

O Ministério da Saúde acompanha ainda 32 casos suspeitos de "gripe suína" no País. Os casos suspeitos estão nos Estados de São Paulo (14), Distrito Federal (4), Pernambuco (2), Rio de Janeiro (4), Ceará (1), Paraná (2), Rondônia (1), Alagoas (2) e Minas Gerais (2). Oito casos da doença já foram confirmados, nos Estados do Rio de Janeiro (3), São Paulo (2), Minas Gerais (1), Rio Grande do Sul (1) e Santa Catarina (1).

Leia também:



Entenda a "gripe suína"


Leia mais sobre gripe suína

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.