Jornal Le Monde em greve pela segunda vez em uma semana

O prestigioso jornal francês Le Monde não sairá às bancas nesta quinta-feira devido a uma greve, a segunda em uma semana, votada na véspera pelos trabalhadores para protestar contra um plano da direção que implica a demissão de pelo menos 25% dos jornalistas e a supressão de outras 130 vagas de trabalho.

AFP |

Os funcionários do jornal francês Le Monde também cruzaram os braços na segunda-feira e esta é a primeira vez na história da publicação que os jornalistas fazem greve por razões internas.

O anúncio na semana passada da diretoria do jornal, que tem circulação diária de 320.000 exemplares, de um plano drástico de reestruturação ligou o sinal de alerta entre os funcionários.

Com uma situação deficitária e grandes dívidas, a direção propôs uma série de medidas para restaurar o equilíbrio do jornal e de seus suplementos até 2010.

Desde a criação do jornal em 1944, a redação só deixou de trabalhar em uma ocasião, em 1976, para protestar contra o controle do grupo Hersant sobre o jornal France Soir.

str/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG