SÃO PAULO - O ministro da Defesa, Nelson Jobim, responsabilizou a companhia aérea Gol pelos atrasos ocorridos em vôos nos aeroportos do País no final de semana. Houve cancelamento de vôos e a Gol atrasou alguns vôos, disse o ministro.

Indagado se a redução de funcionários feita pela Gol estaria agora fazendo falta, Jobim respondeu que sim.

O ministro disse também, em rápida entrevista no Copacabana Palace, que o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) estão trabalhando no modelo de concessão dos aeroportos do Galeão e de Viracopos e "ainda em um terceiro ou quarto aeroporto em São Paulo." O trabalho deve estar concluído entre o final de fevereiro e o início de março.

O ministro participa do segundo conselho empresarial Brasil-União Européia, para o qual estão sendo esperados os presidentes do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, e da França, Nicolás Sarkozy.

Leia mais sobre: aeroportos

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.