Jobim diz não crer em confronto na Raposa Serra do Sol

O ministro da Defesa, Nelson Jobim, afirmou hoje em Anápolis, em Goiás, que não acredita que venham a ocorrer confrontos em Roraima em função da decisão que o Supremo Tribunal Federal (STF) vier adotar no julgamento, iniciado hoje, de ação contrária à portaria do governo que estabeleceu a forma contínua na demarcação da reserva indígena Raposa Serra do Sol. Vai haver choro e ranger de dentes pelos que forem mais prejudicados, ou menos, disse o ministro, prevendo que os dois lados - índios e produtores de arroz - poderão reclamar.

Agência Estado |

Jobim disse que não emitiria opinião sobre o mérito da ação em análise, porque não é mais ministro do STF.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG