BRASÍLIA - Em discurso no Plenário nesta sexta-feira (8), o senador João Pedro (PT-AM) protestou contra a reativação, no último dia 12, da Quarta Frota da Marinha norte-americana, cuja área de atuação é o Atlântico Sul. Quando foi criada, na década de 1940, informou o senador, a frota era composta de 11 navios de guerra.


João Pedro cobrou uma resposta da embaixada dos Estados Unidos no Brasil para questionamento que apresentou - quando visitou a embaixada com outros senadores - sobre o número de navios que compõem a Quarta Frota e sobre quantos médicos participam da operação, uma vez que a alegação dos Estados Unidos, lembrou, é a de que se trata de uma operação humanitária.

"Qual a razão da reorganização da Quarta Frota? Por que isso, já que na América Latina nós temos hoje presidentes eleitos? Não há nenhum problema na região, com exceção da crise interna que acontece há quarenta anos na Colômbia", declarou o senador.

João Pedro deseja mobilizar a sociedade civil para barrar a reativação da Quarta Frota, que definiu como "mais uma iniciativa guerreira dos EUA contra povos latino-americanos". "A Quarta Frota não será bem-vinda. Não existe guerra, existe paz na América do Sul. Na hora em que nós estamos realizando um encontro internacional pela paz entre os povos, que são os Jogos Olímpicos, existe a presença guerreira americana em vários pontos do mundo", sublinhou.

Em aparte, o senador José Nery (PSOL-PA) disse acreditar que a reativação da Quarta Frota tem objetivos políticos e econômicos. O motivo político, na avaliação do senador, estaria relacionado à implantação de governos progressistas na América Latina. O econômico se vincularia às reservas de petróleo e gás encontradas na plataforma continental brasileira.

"Nossos países devem reagir com energia, unindo governos, parlamentos e as nossas sociedades para repudiar essa tentativa de intimidação que, a qualquer título, não podemos aceitar nem tolerar", defendeu José Nery.

O senador Paulo Paim (PT-RS), que presidia a sessão, comprometeu-se a pedir à Presidência do Senado que seja cobrada da embaixada americana uma resposta aos questionamentos de João Pedro.

Leia mais sobre: Quarta Frota

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.