Publicidade
Publicidade - Super banner
Brasil
enhanced by Google
 

João Gilberto canta 30 músicas em show concorrido

João Gilberto foi generoso com o público que foi assistir ao seu concorrido show, ontem à noite, no Auditório Ibirapuera, em São Paulo. O cantor e violonista ícone da Bossa Nova compensou o longo atraso de mais de uma hora e meia do início da apresentação com um bis de 10 músicas.

Agência Estado |

Foram 30 canções ao todo. Entre muitos clássicos, ele cantou Rosa Morena (Dorival Caymmi) e Desafinado (Tom Jobim/Vinicius de Moraes). A última foi Garota de Ipanema (Tom Jobim/Vinícius de Morais). O cantor pediu desculpas pelo atraso e se justificou com o cansaço da viagem de volta de Nova York, onde esteve recentemente. O pedido de desculpas foi aceito com aplausos.

Um momento inusitado do show foi a homenagem que fez a Henry Maksoud, dono do Hotel Maksoud Plaza. "Ele inventou um hotel... é o castelo da hospitalidade. É tão lindo, aquela varanda...", divagou o baiano, que volta a se apresentar hoje, no Auditório Ibirapuera.

Atraso - A expectativa do público era grande - e da imprensa ainda maior. Passava das 22h, uma hora depois do horário previsto para o início do show de João Gilberto, quando alguns repórteres e cerca de 25 fotógrafos começaram a se aglomerar na entrada lateral do Auditório Ibirapuera. Onde estaria João Gilberto? O crítico Zuza Homem de Mello amansou a platéia dizendo que o avião acabara de pousar, por volta das 21h30, e que o músico estava a caminho...

Às 22h10, a equipe do Auditório Ibirapuera veio pedir organização para a imprensa: que se formasse uma fila lateral para não atrapalhar a entrada de JG. Dois minutos depois e lá estava ele descendo do carro, cabisbaixo, sem dar uma palavra. E um mundo de fotógrafos disputando centenas de flashes.

Nem todos agüentaram esperar. Pelo menos quatro pessoas foram embora antes de o show começar. Celebridades como Wagner Moura aproveitavam para dar autógrafos e Junior (ex-Sandy) jogava game no celular. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG