Roma, 30 mar (EFE).- A cantora e atriz americana Jennifer López assegura que, após seu afastamento temporário dos palcos pelo nascimento de seus filhos gêmeos, sua vida é melhor, mas agora ela se sente como uma equilibrista ao tentar combinar vida pessoal e profissional.

"Minha vida hoje em dia é melhor, mas é difícil compartilhar a carreira com o cuidado dos filhos, apesar de toda a ajuda que recebo", disse Jennifer em entrevista publicada pelo jornal italiano "La Stampa".

A musa americana explicou que é "muito lindo" ver os gêmeos Max e Emme crescerem "tão unidos". Os bebês são filhos de seu casamento com o cantor Marc Anthony.

"O único problema é que você quer dar a eles a mesma atenção, e precisa ficar contando o número de beijos", comentou, bem humorada, ao jornal italiano.

Jennifer López disse que Anthony é um "homem adequado", encontrado após várias relações tormentosas, entre elas as que manteve com o rapper Sean Puffy Combs e com o ator Ben Affleck.

"No plano sentimental segui tentando sem desanimar. Se encontrei o homem perfeito com quase 40 anos, quer dizer que tinha que ser assim", afirmou.

Com um novo filme, "The Back-Up Plan", dirigido por Alan Paul, e um novo disco que será lançado em meados do ano, a atriz e cantora disse que se sente no início de uma "nova etapa".

"No plano profissional você não pode ter um plano B. Tem que se entregar ao que quer com determinação e acreditar nisso". EFE cpr/fm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.