Depois de criticar as indicações políticas para cargos públicos, o senador peemedebista Jarbas Vasconcelos (PE) anunciou hoje, em discurso no plenário do Senado, que vai apresentar projeto de lei para proibir que as diretorias financeiras de empresas estatais possam ser ocupadas por indicações partidárias. A classe política, se tivesse bom senso, deveria ficar a quilômetros de distância de qualquer diretoria financeira, afirmou.

Segundo sua proposta, o cargo seria ocupado com exclusividade por funcionários de carreira das empresas estatais e autarquias. Além disso, o senador disse que vai propor que os nomes de diretores dessas instituições sejam aprovados pelo Senado, a exemplo do que ocorre com os dirigentes das agências reguladoras.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.