Já existem 5 pedidos de impeachmet contra Arruda na Câmara

BRASÍLIA - Até o fim desta quarta-feira, haverá na Câmara Legislativa do Distrito Federal, pelo menos, cinco pedidos de impeachment contra o governador José Roberto Arruda e o vice-governador, Paulo Octávio.

Erika Klingl, iG Brasília |

Uma delegação do Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) entregou na manhã de hoje o pedido de impeachment. Segundo o presidente do partido no DF, Antônio Carlos de Andrade, o Toninho, o pedido fundamenta-se nos fatos: "As provas são contundentes, e ainda há 25 imagens no processo que não vieram à tona".

Mais cedo, a Ordem dos Ministros Evangélicos do Gama protocolou um requerimento semelhante na Presidência da Casa. Ontem, os advogados Evilásio Viana dos Santos e Anderson Siqueira haviam protocolado dois pedidos de impeachment.

Às 14h de hoje, será a vez da bancada do PT que também pedirá a saída de Arruda e do vice-governador Paulo Octávio. Os dois são investigados pela Polícia Federal e pelo Ministério Público por receberem dinheiro ilegal de empresários e distribuírem para a base aliada.

Amanhã, outra solicitação será avaliada e pode ser apresentada na Mesa da Câmara. O Conselho da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), em Brasília, vota, à noite, o afastamento de Arruda.

O próximo passo é a análise dos pedidos por parte do presidente em exercício da Câmara, deputado Patrício (PT). Em seguida, antes de chegarem ao plenário, os pedidos passam pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ).

Contratos

Além do impeachment, a líder do PT na Câmara, Erika Kokay, também vai protocolar no Tribunal de Contas do Distrito Federal um pedido para que seja feito um rastreamento de todos os contratos com as empresas citadas no inquérito. A proposta é que todos sejam suspensos até o fim das investigações.

Após uma reunião na terça-feira na Câmara, ficou acertado que todos os deputados assinarão o pedido de criação da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar as denúncias de corrupção no governo Arruda, que envolveria também parlamentares da base aliada na Casa.

Escândalo no Distrito Federal

Entenda

Inquérito da PF

Vídeos

Leia também:

Crise de 2001

    Leia tudo sobre: arrudabrasiliadistrito federalescândalo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG