ficha suja - Brasil - iG" /

Já dura mais de 3 h julgamento do STF sobre ficha suja

Já dura mais de três horas o julgamento em que o Supremo Tribunal Federal (STF) decidirá se políticos com processos na Justiça podem se candidatar nas eleições municipais. A expectativa é de que a maioria dos ministros do STF conclua que somente podem ser barrados na disputa eleitoral os políticos condenados sem possibilidade de recurso, apesar do parecer do procurador-geral da República, Antonio Fernando de Souza, que é favorável ao impedimento dos candidatos com a chamada ficha suja.

Agência Estado |

Em sua manifestação no plenário do STF, Souza defendeu que os políticos com processos na Justiça não devem participar das eleições. "O constituinte estabeleceu que a capacidade de ser votado pode ser restringida quando valores como probidade e moralidade não sejam atendidos pelo candidato", afirmou. Além do procurador-geral, falaram antes de Celso de Mello iniciar a leitura de seu voto advogados de partes interessadas, como a Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), autora da ação julgada hoje pela Corte.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG