Isabella: legista do caso PC aceita convite da defesa

O vereador e médico-legista alagoano George Sanguinetti (PTB) informou hoje que aceitou convite da defesa de Alexandre Nardoni e Anna Carolina Jatobá para atuar na investigação da morte de Isabella Nardoni. Ele disse que contará com a colaboração de peritos da Universidade de São Paulo (USP).

Agência Estado |

O legista ficou conhecido ao atuar no caso do empresário PC Farias, encontrado morto ao lado da namorada em junho de 1996. Sanguinetti se opôs ao laudo do legista Badan Palhares, que defendia a tese de homicídio seguido de suicídio. Para Sanguinetti, eles foram assassinados.

Isabella morreu em 29 de março, após ser asfixiada e jogada pela janela do apartamento do pai, Alexandre Nardoni, e da madrasta Anna Carolina Jatobé, no edifício London, na zona norte de São Paulo. Alexandre e Anna Carolina estão presos. A defesa dos Nardoni afirma que o casal é inocente e que havia uma terceira pessoa na cena do crime. A polícia indiciou os dois por homicídio e descarta a existência de mais alguém, além da família, no apartamento na noite do crime.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG