Irmão da governadora do Pará é condenado por pedofilia

João Carepa ficará 15 anos preso por abusar de uma menina de 11 anos de idade

AE |

O assistente administrativo João Carlos Vasconcelos Carepa, de 52 anos, irmão da governadora do Pará, Ana Julia Carepa (PT), foi condenado nesta terça-feira a 15 anos de reclusão em regime fechado por abusar de uma menina de 11 anos de idade, em 2006. A sentença foi proferida pela juíza Maria das Graças Alfaia Fonseca, titular da Vara de Crimes Contra Crianças e Adolescentes de Belém.

A juíza considerou a culpabilidade do réu "gravíssima pois de forma consciente e perversa premeditou os crimes, razão pela qual tal circunstância não o favorece". Na sentença, Maria das Graças destacou que o comportamento da vítima não motivou o crime.

O acusado negou as acusações, confirmando o interrogatório prestado anteriormente à polícia. Ele disse que a acusação teria sido uma vingança por parte dos pais da vítima. Segundo Carepa, a mãe da garota buscava uma audiência com a sua irmã, governadora do Estado, para pedir emprego ao seu marido.

    Leia tudo sobre: pedofiliaabuso sexual

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG