Inmet emite alerta de ciclone subtropical no Sul

Rio de Janeiro, 7 mar (EFE).- O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) declarou estado de alerta nos estados da região Sul do país diante da possível chegada na segunda-feira de um sistema de baixa pressão (ciclone subtropical) com ventos acima de 80 km/h.

EFE |

Litoral gaúcho pode ter temporais nesta segunda

Segundo o Inmet, o fenômeno pode passar pelos estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul e nas fronteiras com Argentina, Uruguai e Paraguai.

Os meteorologistas calculam que o sistema de baixa pressão que se está formando no oceano Atlântico pode alcançar esses estados entre 0h de segunda-feira e 0h de terça-feira (horários de Brasília).

De acordo com os avisos meteorológicos especiais divulgados hoje pelo Inmet, as atuais condições meteorológicas "são favoráveis à ocorrência de ventos fortes, com rajadas superiores a 80 km/h", assim como de fortes chuvas.

"Entre segunda-feira e terça-feira, um sistema de baixa pressão (ciclone) próximo ao litoral de Santa Catarina mantém o tempo instável, com condições de chuva na faixa leste do estado, especialmente no litoral, com valores entre 60 e 80 milímetros em 48 horas, que pode ser mais intensa e persistente no sul", alertou o Centro de Informações de Recursos Ambientais e de Hidrometeorologia de Santa Catarina.

"Por essa razão, a atenção continua dirigida à possibilidade de inundações e deslizamentos no litoral", acrescenta a nota, que também adverte sobre uma possível grande agitação no mar com ondas de até quatro metros de altura próximas à costa.

Em setembro passado, um vendaval que passou por Santa Catarina e parte da Argentina formou três tornados com ventos superiores a 100 km/h que deixaram quatro mortos e 138 feridos.

Em maio de 2008, um ciclone subtropical que passou pelo Rio Grande do Sul deixou um morto e 300 pessoas desabrigadas. EFE cm/bba

    Leia tudo sobre: clima

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG