Ingressos falsos tumultuam homenagem a Roberto

Um derrame de ingressos falsos causou confusão no show de gala Elas Cantam Roberto, no Teatro Municipal de São Paulo. Alguns portadores de ingressos adulterados, segundo informou a segurança, estavam conseguindo entrar e sentar nos lugares do teatro, cuja lotação (1.

Agência Estado |

580 lugares) se esgotou em apenas uma hora e 42 minutos quando as vendas começaram.

Pessoas com ingressos falsos sentavam-se nos lugares reservados e eram retiradas do teatro pela segurança antes do início do show. Antes do começo do espetáculo, Léa Penteado, assessora da empresa do cantor Roberto Carlos, informou que toda a renda, cerca de R$ 327 mil, seria destinada a uma instituição beneficente voltada para a prevenção do câncer de mama.

A descontração marcou o show, que celebra os 50 anos de carreira do mais popular cantor brasileiro. "Nunca pensei na minha vida que ia viver uma noite como essa. Com todas essas meninas maravilhosas, essas cantoras cantando minhas canções", disse Roberto Carlos, que só surgiu ao final do show e protagonizou encontro divertidíssimo com todas as 20 convidadas da noite, cantando "É preciso saber Viver".

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG