Infraero: Tom Jobim tem maior número de atrasos

O Aeroporto Antonio Carlos Jobim (Galeão), no Rio de Janeiro, acumulou o maior número de atrasos no País da zero às 14 horas de hoje, véspera do ano-novo. Dos 94 vôos, 12 sofreram atrasos superiores a 30 minutos, o equivalente a 12,8% do total.

Agência Estado |

Não houve cancelamentos. No Aeroporto de Guarulhos, na Grande São Paulo, nove dos 122 vôos partiram fora do horário previsto (7,4%) e outros seis foram cancelados. Os dados são da Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero).

No Aeroporto de Congonhas, na zona sul da capital paulista, dos 130 vôos, apenas um atrasou, mas 24 foram suspensos (18,5%). Em Brasília, o Aeroporto Presidente Juscelino Kubitschek contabilizou três atrasos (3,6%) e três cancelamentos (3,6%) em 84 vôos. Em todo o País, a Infraero registrou atrasos em 57 dos 1.089 vôos, 5,2% do total, e 84 cancelamentos (7,7%).

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG