Incêndio no Teatro Cultura Artística, em São Paulo, destrói salas de espetáculos

SÃO PAULO - O incêndio que atingiu o Teatro Cultura Artística, em São Paulo, por volta das 5h da manhã deste domingo, foi controlado. Segundo os bombeiros, o piso onde as salas de espetáculos estão localizadas ficou destruído.

Redação com Agência Estado |

A corporação informou que foi acionada por volta das 5h e 18 viaturas foram enviadas ao local para combater o fogo. Alguns carros ainda permancem na área para realizar o trabalho de rescaldo.

AE
Incêndio de grandes proporções destruiu salas de apresentações

Ainda de acordo com os bombeiros, não houve vítimas. No entanto, o coronel João dos Santos de Souza, afirmou que todo o terceiro andar do prédio foi atingido. Com isso, as salas Esther Mesquita, com 1.156 lugares, e a Rubens Sverner, que tem 339, ficaram danificadas. 

O teto cedeu e os bombeiros precisaram controlar o fogo do lado de fora do teatro. O prédio vizinho ao teatro foi evacuado.

Algumas explosões foram ouvidas, mas as causas do incêndio ainda serão investigadas pela perícia, segundo os bombeiros.

A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) informou que a Rua Nestor Pestana está interditada desde as 5h25. A alternativa para o motorista que segue para o centro da cidade é utilizar as ruas Martins Fontes e Martinho Prado.

Atualmente, estava em cartaz no Teatro Cultura Artística a peça "O Bem Amado", com o ator Marco Nanini.

Na fachada da casa, há o maior afresco existente do artística plástico brasileiro Di Cavalcanti. Com 48 metros de largura por oito de altura, a obra foi feita em mosaico de vidro e inaugurada em março de 1950. Segundo os bombeiros, ela artista não foi atingida pelas chamas.

Leia mais sobre incêndio

    Leia tudo sobre: incêndioteatro cultura artística

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG