Tempo seco e os fortes ventos prejudicam os trabalhos dos bombeiros, pois ajudam na propagação do fogo

selo

O incêndio que atinge desde ontem o Parque Nacional de Brasília, no Distrito Federal, já destruiu 25% de um total de 42 mil hectares da reserva, de acordo com o Instituto Chico Mendes. Cerca de 350 pessoas trabalham no combate às chamas. Um helicóptero do Corpo de Bombeiros também presta serviço no local. O tempo seco e os fortes ventos prejudicam os trabalhos, pois ajudam na propagação do fogo.

Na semana passada, pequenos focos de incêndio foram registrados nos arredores da reserva. Na tarde de quarta-feira, dia 15, um foco atingiu uma linha de alta tensão da Companhia Energética de Brasília (CEB) e afetou o fornecimento de energia elétrica em parte da cidade.

A falta de energia atingiu, por volta das 16 horas, toda a Esplanada dos Ministérios, o Setor de Embaixadas Sul, o Lago Sul, além das cidades-satélites de São Sebastião e Paranoá. Segundo a CEB, após dez minutos, o serviço passou a ser normalizado de forma gradativa.

Parque Nacional de Brasília é atingido por incêndio
AE
Parque Nacional de Brasília é atingido por incêndio

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.