Incêndio atinge prédio de três andares em Salvador

Segundo a PM, todas as pessoas que estavam no prédio foram resgatadas

iG São Paulo |

AE
Bombeiros combatem o incêndio em Salvador
Um incêncio atingiu um edifício de três andares localizado avenida J. J. Seabra, na Baixa dos Sapateiros, nas proximidades do Cinepax, no centro histórico de Salvador, na Bahia, na manhã deste sábado.

Segundo informações da Polícia Militar (PM), cinco moradores, sendo três adultos e duas crianças, estavam no terraço do prédio e foram resgatados por um helicóptero da PM. Todas as pessoas que estavam presas no prédio incendiado foram resgatadas.

Os outros moradores foram retirados do edifício por uma escada montada pelo Corpo de Bombeiros.

Incêndio em SP

Dezoito famílias ficaram desabrigadas após um incêndio que atingiu uma favela e queimou entre 12 e 15 barracos em São Vicente, na Baixada Santista (SP), na madrugada deste sábado. Não houve feridos.

O fogo no local, conhecido como "favela do Bugre" ou "favela do lixão", no bairro Jóquei Clube, começou por volta de 1h35 da madrugada. Sete viaturas dos bombeiros e 16 homens trabalharam para controlar as chamas, que, segundo o Corpo de Bombeiros, foram efetivamente apagadas por volta das 5h00 da madrugada.

De acordo com a Diretora da Secretaria de Assistência Social de São Vicente, Denise Brandão, das 18 famílias atingidas, 16 foram encaminhadas para casas de parentes e duas estão no abrigo da prefeitura. "Ainda não temos o número exato de pessoas que perderam suas casas, mas são cerca de 50. Trouxemos cestas básicas para as que estão com os parentes para dar uma ajuda nesses dois dias e já agendamos a sequência do atendimento para segunda-feira", afirmou a assistente social, contando que a maior parte das famílias atingidas não estava no local durante o incêndio. "Muitos deles estavam ceando na casa de parentes".

A prefeitura de São Vicente informou que todas as família atingidas pelo incêndio estão cadastradas em um programa habitacional e a partir da próxima semana deverão receber um auxílio aluguel de cerca de R$ 300. São Vicente já garantiu recursos federais de R$ 58 milhões do Plano de Aceleração de Crescimento (PAC) 2 para construir cerca de 4 mil moradias para as famílias que moram em palafitas em toda a área conhecida como Dique do Sambaiatuba - onde fica a favela do Bugre. As obras devem começar na metade do próximo ano e ser concluídas até o final de 2012.

*com informações da AE

    Leia tudo sobre: incêndiosalvadorbahia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG