Dezessete cidades terão acompanhamento em tempo real dos pontos de lentidão e a localização de obras e acidentes

O Portal iG ampliou a cobertura de trânsito em algumas das principais capitais brasileiras. A partir desta sexta-feira, o internauta passa a acompanhar em tempo real os índices de lentidão, e a localização de pontos com obras e acidentes em 17 cidades do País. Acompanhe o trânsito agora

As cidades que a partir de hoje possuem monitoramente do tráfego são as capitais São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ), Curitiba (PR), Belo Horizonte (MG), Recife (PE) Salvador (BA), Vitória (ES), Goiânia (GO) e Cuiabá (MT). Na região metropolitana de São Paulo, serão monitoradas as cidades de Barueri, Diadema, Guarulhos, Osasco, Santo André, São Bernardo do Campo e São Caetano do Sul. Campinas, no interior de São Paulo, também terá sua ferramenta de trânsito. 

Nova ferramenta será mais precisa no monitoramento do trânsito
Reprodução
Nova ferramenta será mais precisa no monitoramento do trânsito

Na nova página, o internauta pode escolher cada uma das 17 cidades e conferir o índice de lentidão no momento. Ainda é possível navegar no mapa para saber, em tempo real, quais são as vias mais congestionadas. As principais obras e acidentes ocorridos durante o dia também estarão em destaque no mapa.

A ferramenta usada até então pelo iG abrangia apenas as cidades de São Paulo, Belo Horizonte e Rio de Janeiro, e usava na composição dos índices de lentidão dados oficiais dos departamentos de trânsito (como CET em São Paulo) e de pontos fixos de observação. Na nova medição, são usados os mesmos monitoramentos de pontos fixos em grandes corredores de tráfego, aliados à tecnologia de GPS em táxis e empresas de transportes conveniadas, que repassam para a central de informações a situação de tráfego no local em tempo real. 

Com isso, a nova ferramenta disponível para o internauta do iG poderá divergir das medições dos órgão oficiais, já que possui uma capacidade maior de monitoramento.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.