Publicidade
Publicidade - Super banner
Brasil
enhanced by Google
 

Idosos devem reforçar hidratação durante inverno, diz especialista

Sem previsão de chuva para os próximos dias, o clima seco e a poluição contribuem para piorar a qualidade do ar, especialmente nas regiões metropolitanas. Mais sensíveis às mudanças climáticas, os idosos têm mais dificuldade para respirar e sentem maior ressecamento da pele.

Agência Estado |

Para ajudar a diminuir a sensação de cansaço, especialistas reforçam a necessidade de hidratar o organismo, moderar com exercícios físicos e umidificar o ambiente em casa.

"Os cílios da traquéia, que funcionam como filtros do ar, não tem a mesma eficiência que na juventude, portanto o idoso sofre mais e sente qualquer mudança no clima", ressalta o geriatra do Hospital Alemão Oswaldo Cruz, Omar Jaluul, do Centro de Envelhecimento Saudável da entidade.

O geriatra reforça que beber bastante água ainda é a principal maneira de se manter bem hidratado. Para ajudar a amenizar o mal estar, o especialista também sugere colocar um balde de água no quarto durante a noite para umidificar o ambiente. "Esse clima aumenta a sensação de cansaço, portanto o idoso deve tomar cuidado com atividade física. Além disso, substâncias que desidratam o organismo pedem consumo moderado, como álcool e café".

Pele

Os cuidados também se estendem à pele. "A hidratação se torna fundamental porque no inverno tomamos banhos mais quentes e mais demorados e com isso retiramos o manto lipídico da pele, que é a camada de proteção", explica a dermatologista da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), Mônica F. Carvalho-Nakatsubo. Ela lembra que óleos de banho também hidratam e são práticos, podendo ser passados logo após o banho. "Hoje existem muitos hidratantes eficientes à base de lactil, lactato de amônio e óleos hidratantes."

Como o uso de hidratantes pode ser reforçado com o frio, Mônica recomenda usar o produto mais adequado ao tipo de pele. "Durante o inverno, a pele do corpo produz poucas glândulas sebáceas e por conta disso ela fica bem seca. Devemos, portanto, hidratar bastante. Mas, nas pessoas que têm uma tendência a acne nas costas, por exemplo, onde já tem mais glândulas devemos evitar os hidratantes mais oleosos".

Liliam Rana

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG