Por meio do Disque-Denúncia, a polícia identificou ontem os dois suspeitos de terem participado do roubo a um posto de gasolina em São Gonçalo, no Rio de Janeiro. O crime resultou na morte de Angélica Maria de Souza, funcionária da loja de conveniência, após ser atingida com um tiro na cabeça.

Os suspeitos já foram reconhecidos pelas vítimas do roubo por meio de fotografias. São eles os irmãos, André Felipe de Andrade da Fonseca, de 20 anos, e Jean Rodrigues da Fonseca Junior, de 22 anos, ambos residentes em São Gonçalo. O terceiro envolvido foi identificado apenas como Batata .

O crime aconteceu na segunda-feira, quando três homens armados invadiram o posto de gasolina e roubaram clientes e funcionários. Em seguida, dois bandidos foram à loja para saquear. Um terceiro homem ficou no carro, dando cobertura aos comparsas. Na saída, um dos ladrões disparou e acertou Angélica, de 20 anos, e fugiu.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.