Ibama fecha serrarias e fornos ilegais de carvão no Pará

BRASÍLIA - Fiscais do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) derrubaram nesta quinta-feira 280 fornos de fabricação de carvão clandestino em Novo Repartimento, município na região central do Pará. Dezenove fornos funcionavam dentro de um assentamento do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra).

Agência Brasil |

Acordo Ortográfico

Além dos fornos, os agentes do Ibama também fecharam três serrarias ilegais no interior do assentamento Rio Gelado, o maior do Incra no país, com 260 mil hectares.

A devastação da floresta em áreas de reforma agrária foi tema recente de polêmica entre os ministérios do Meio Ambiente e do Desenvolvimento Agrário, após a divulgação da lista dos 100 maiores desmatadores da Amazônia, encabeçada por seis propriedades do Incra.

Leia mais sobre: desmatamento

    Leia tudo sobre: desmatamento

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG