Howard Stern deve substituir Simon Cowell

Howard Stern deve substituir Simon Cowell Por Ricardo Bairos Nova York, 9 (AE) - (9.fev) Um shock jock deve ser o novo jurado de American Idol.

Agência Estado |

Howard Stern, um dos radialistas mais poderosos dos Estados Unidos, revelou que está em negociações para tomar o lugar de Simon Cowell quando ele deixar o trabalho no reality show. "Não tem emprego melhor neste planeta do que julgar aquela m----- de competição de calouros", disse o radialista de 56 anos em seu programa na plataforma Sirius.

"Seria a melhor coisa que já aconteceu comigo. US$ 100 milhões por quatro meses de trabalho. Quem não ia querer? Eles têm de me pagar uma montanha de dinheiro porque eu já faço uma montanha de dinheiro." O contrato de US$ 500 milhões de Stern com a Sirius termina no final de 2010. (Planet Pop)

ATOR DE "LOST" DEVE TRABALHAR EM "HAVAÍ 5-0"
(9.fev) Um dos atores de "Lost" deve continuar morando no Havaí. Daniel Dae Kim, que faz o papel de Jin-Soo Kwon no seriado de TV, está em negociações adiantadas para fazer o papel de um dos detetives da nova versão de "Havaí 5-0". O ator faria o detetive Chin Ho Kelly, que foi interpretado no original por Kam Fong.

Para o papel do detetive Steve McGarrett, o nome mais cogitado é o de Alex O'Loughlin. O seriado original, que foi ao ar entre 1968 e 1980, era sobre uma polícia fictícia do Havaí. "Lost" está em sua última temporada. (Planet Pop)

BRAD PITT E ANGELINA JOLIE DEVEM PROCESSAR TABLOIDE
(9.fev) O casal resolveu processar o tabloide que publicou uma reportagem sobre sua separação. Keith Schilling, advogado de Brad Pitt e Angelina Jolie, começou o processo contra o "News of the World", da Grã-Bretanha, por publicar "falsas alegações" contra os dois. Em um comunicado, ele disse que a reportagem era "falsa e intrusiva".

O tabloide reportou que o ator, de 46 anos, e a atriz, de 34, tinham procurado advogados e estavam a caminho de uma separação definitiva. Jolie e Pitt têm feito várias aparições púbicas em que mostram afeição um ao outro. O tabloide não fez nenhuma declaração sobre o possível processo. (Planet Pop)

"SR. & SRA. SMITH" DEVE TER SEQUÊNCIA
(9.fev) "Sr. & Sra. Smith", a comédia de ação de 2005 na qual começou o romance entre Brad Pitt e Angelina Jolie, deve ganhar uma sequência, segundo a revista "New York Magazine". O filme original é sobre um casal que faz trabalhos como assassinos de aluguel sem o conhecimento do parceiro, até que cada um é contratado para matar o outro.

O novo filme seria sobre dois agentes secretos de 20 e poucos anos que são colocados em um casamento falso logo depois de sua formatura na academia de espionagem. O novo filme teria personagem diferentes do original e não contaria com as participações de Brad e Angelina. Não há mais detalhes sobre o projeto. (Planet Pop)

MÃE DE ATRIZ DE "PRECIOSA" É CANTORA DO METRÔ
(9.fev) Enquanto Gabourey Sidibe está a caminho do Oscar, sua mãe continua a fazer seu trabalho dos últimos 18 anos: cantora do metrô de Nova York. Alice Tan Ridley, mãe da atriz de "Preciosa", toca três vezes por semana nas plataformas do metrô da cidade, nas estações Times Square, Penn Station e 14th Street/Union Square.

"Meu nome não está no contracheque dela", disse a cantora. Ridley foi professora antes de passar a ganhar a vida como cantora no metrô. Ela também já viajou para lugares como o Chile, a Argentina e a Alemanha para fazer shows. Segundo ela, a filha nunca tinha pensado em virar atriz. Gaby queria ser comediante. (Planet Pop)

MÃE DE MICHAEL JACKSON CHAMA MÉDICO DE "MONSTRO"
(9.fev) Homicídio doloso involuntário não foi um indiciamento suficiente contra o médico de Michael Jackson, segundo sua família. "Ele é um monstro", disse Katherine Jackson, mãe do popstar, sobre o dr. Conrad Murray.

"Este indiciamento é um tapa na mão", disse Brian Oxman, advogado de Joe Jackson, pai do cantor. "Ele deveria responder a uma acusação com maior grau de responsabilidade."
Murray disse que não é culpado de ter administrado uma dose letal do anestésico propofol no cantor, que morreu em 25 de junho. LaToya Jackson, irmã do rei do pop, acredita que outras pessoas estão envolvidas no "assassinato" e disse que não descansará até conseguir que a justiça seja feita. (Planet Pop)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG