Hospital do RS não encontra provas contra enfermeira

O Hospital Universitário da Ulbra não encontrou indícios de participação da técnica de enfermagem Vanessa Pedroso Cordeiro, 25 anos, nas mortes de bebês ocorridas na instituição desde o início do ano passado. A informação foi levada à Polícia e divulgada à imprensa, por nota oficial, hoje, após revisão dos prontuários de todos os óbitos ocorridos no período.

Agência Estado |

O texto sustenta que a investigação "não revelou qualquer discrepância nos indicadores de mortalidade" de menores de um ano no período em que a técnica participou da equipe de atendimento do hospital.

Vanessa está presa desde a madrugada de sábado passado, sob acusação de ter aplicado sedativos em 11 recém-nascidos. Nove crianças já receberam alta. Duas permanecem internadas por circunstâncias não relacionadas ao episódio, segundo a nota do hospital.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG