Horário de verão começa no País

Moradores das regiões Centro-Oeste, Sul e Sudeste devem adiantar o relógio em uma hora

iG São Paulo |

O horário de verão começou à 0h deste domingo nas regiões Sudeste, Centro-Oeste e Sul do País. Os moradores devem adiantar os relógios em 1h.

A medida vale até a 0h do dia 20 de fevereiro de 2011. O horário de verão deve proporcionar uma redução de cerca de 0,5% no consumo de energia elétrica nas regiões Sudeste, Centro-Oeste e Sul do País.

Isso corresponde a 174 megawatts/hora (MWh) no Sudeste e Centro-Oeste e a 145 MWh no Sul. E equivale à energia consumida por uma cidade de 3,8 milhões de habitantes e de 1,1 milhão de habitantes, respectivamente. A estimativa foi feita pelo secretário de Energia Elétrica do Ministério de Minas e Energia, Ildo Grüdtner.

Segundo o secretário de Energia Elétrica, esse porcentual de redução de 5% na demanda é o mesmo dos anos anteriores. O principal objetivo do horário de verão é aliviar a carga entre 19h e 21h, período em que a maioria das pessoas chega em casa, toma banho e a iluminação pública é acionada. Como os relógios são adiantados em uma hora, esse pico do consumo é diluído, pois a luz natural do dia é aproveitada por mais tempo.

Este ano, ao contrário do que ocorreu em 2006, o início do horário de verão não será adiado por causa do segundo turno das eleições, no próximo dia 31 de outubro. Isso porque, de acordo com o secretário Ildo Grüdtner, as urnas eletrônicas agora estão programadas para fazer automaticamente a alteração no horário, e, assim, a realização do pleito não será afetada.

iG
Horário de verão vai até a 0h do dia 20 de fevereiro de 2011

Consumo

Nos últimos dez anos, a adoção da medida proporcionou uma redução média de 4,7% na demanda por energia no horário de maior consumo. No Brasil, o horário de verão foi instituído pela primeira vez no verão de 1931/1932, pelo então presidente Getúlio Vargas, e durou quase meio ano.

Desde 2008, foram estabelecidas datas fixas para começo e término do horário de verão no país: a mudança ocorre no terceiro domingo de outubro e termina no terceiro domingo de fevereiro. Se a data coincidir com o domingo de Carnaval, o final do horário de verão é transferido para o domingo seguinte.

Alteração no sono

Ao mesmo tempo que os dias ficam mais longos, aumenta a dificuldade para acordar nos primeiros dias do horário de verão. No entanto, Flavio Alói, neurologista do Hospital das Clínicas de São Paulo, diz que a mudança do horário tem pouca interferência para o relógio biológico.

"As pessoas atribuem a sensação de mais cansaço ao acordar ao novo horário, sem considerar o estresse diário, a ingestão de café ou de álcool em excesso ou o sedentarismo", diz. "Acaba sendo só um disparador de que o ritmo do organismo não vai bem."

Para contornar os efeitos, ele sugere, além de mudança de hábitos, dormir progressivamente mais cedo. "Quem deita à meia-noite pode ir às 23h45, depois às 23h30, e assim até as 23 horas." Para as crianças, a alteração dos ponteiros é mais significativa só nos três primeiros dias. "Embora necessitem de horas de sono para o desenvolvimento, elas têm uma vida mais saudável e sem tantas preocupações", afirma Alói.

Voos

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) informou que as companhias aéreas vão seguir o horário de verão desde a hora da virada, mas recomenda aos passageiros que procurem as empresas em caso de dúvida.

Horário dos bancos

Nos Estados em que não vigorará o horário de verão, as agências bancárias deverão antecipar em uma hora a abertura e o fechamento para atendimento ao público, segundo a Federação Brasileira de Bancos (Febraban).

Os Estados são Acre, Amapá, Amazonas, Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima, Sergipe e Tocantins. As exceções são os municípios listados abaixo, que manterão inalterados seus horários de atendimento:

* Manaus (AM);

* Belém (PA) e região metropolitana: Ananindeua, Benevides, Marituba e Santa Bárbara do Pará;

* Fortaleza (CE) e região metropolitana: Aquiraz, Caucaia, Chorozinho, Euzébio, Guaiuba, Horizonte, Itaitinga, Maracanaú, Maranguape, Pacajus, Pacatuba e São Gonçalo do Amarante;

* Recife (PE) e região metropolitana: Abreu e Lima, Camaragibe, Jaboatão dos Guararapes, Olinda e Paulista;

* Salvador (BA) e região metropolitana: Candeias, Camaçari, Dias D’Ávila, Itaparica, Lauro de Freitas, Madre de Deus, São Francisco do Conde, Simões Filho e Vera Cruz.

Loterias

Os sorteios das loterias da Caixa Econômica Federal continuarão sendo realizados a partir das 20h (horário de Brasília), com encerramento de recebimento de apostas uma hora antes do sorteio, ou seja, 19h (horário de Brasília). Nas localidades onde não vigora o horário de verão, o apostador deve se programar e registrar o seu volante até as 18h, no horário local.

*com informações das Agências Estado e Brasil

    Leia tudo sobre: horário de verãoeconomiatempo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG