Homens são 71,1% das vítimas de violência urbana

"Os homens se expõem mais aos fatores de risco do que as mulheres", diz pesquisadora

AE |

selo

Do total de 4.019 atendimentos em unidades de referência para acidente e violência, 2.915 foram de pessoas do sexo masculino, ou 71,1%, ante 1.098 do sexo feminino (28,7%), de acordo com o Sistema de Vigilância de Violências e Acidentes (Viva).

Os dados foram coletados, entre setembro e novembro do ano passado, com base nos registros de 74 unidades sentinelas de 23 capitais e Distrito Federal.

“Sabe-se que os homens se expõem mais aos fatores de risco do que as mulheres e a maioria dos casos ocorreram em via pública, caracterizando violência urbana”, diz a coordenadora da área de Vigilância e Prevenção de Acidentes e Violências do Departamento de Análise de Situação de Saúde (Dasis), Marta Silva.

As principais vítimas são homens jovens, de 20 a 29 anos, de cor parda e com escolaridade média de 5 a 8 anos de estudo.

    Leia tudo sobre: violênciahomens

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG